23 de jan de 2010

COUNTRYMAN: UMA BOA IDÉIA


A BMW acertou na sua nova receita, o Mini Countryman. Ao invés de tradicionalismos bobos, já que para o capitalismo tradição só é bom quando dá lucro, a marca alemã ampliou a linha inglesa para ganhar novos mercados.

Um carro alto, com quatro portas e tração integral é novidade entre na Mini. Apesar de o antigo Mini Moke ter alguns desses atributos, ele era apenas um utilitário de serviço grosseiro. O Countryman não é um "utilitário-executivo" como os BMWs são, mas um "utilitário-diversão", que gosta de estradas, praia e estradinhas de chão.

Essa grade é estranha

Obviamente ele estará apenas nos grandes centros urbanos e nas mãos de pessoas caretas, que detestam natureza e adoram viver no ar-condicionado e ouvindo música, ao invés de adorar sentir um ar puro entranto nos pulmões e ouvir o canto dos pássaros. Ele é, na verdade, mais um "utilitário-vagabundo". Mas entre estes, ele é o que mais se destaca.

Já vi essa idéia em algum lugar...

O Countryman é um carro distinto. Remete aos antigos Minis, mas é moderno. É jovem, mas é "grande" e valente. É diferente, mas é bonito. E será um sucesso. Só faltam as versões Cooper!

3 comentário(s):

Paulo Keller disse...

MINI-MAXI

De Gennaro Motors disse...

interessante o conceito....mais o design....deixa a desejar um pouco

De Gennaro Motors disse...

legal!

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre este post.